2022
2021

SEGMENTO

CAFÉS


NPS MÉDIO DO SEGMENTO

61

+7 pontos comparado
ao ano anterior.


MARCAS AVALIADAS

9

SEGMENTO

CAFÉS


NPS MÉDIO DO SEGMENTO

54


MARCAS AVALIADAS

8

Destaques do segmento

Nescafé
NPS
68
Melitta
NPS
67
Nespresso
NPS
65

835 xícaras por ano. Isto é o que consome, em média, um brasileiro. O número representa uma média de um pouco mais de duas xícaras por dia. Somos o maior produtor e exportador de café do mundo, com mais de 3 milhões de toneladas de grãos por ano, o que significa mais de 30% de todo o café produzido no mundo.


Mas este também é um mercado que está em forte transformação. De acordo com James T. McLaughlin Jr, presidente da companhia Intelligentsia Coffee - empresa americana focada na inovação em cafeterias e cafés especiais -, os apreciadores da bebida aprenderam durante a pandemia diferentes formas de reproduzir em casa a experiência de consumir cafés em uma cafeteria. Segundo ele, este é um hábito que veio para ficar.


Além disso, o isolamento social e o crescimento do home office intensificaram a venda de cafés pela internet e a busca por cafeterias em bairros residenciais, gerando novas oportunidades.


Quando pensamos em perspectivas de produção e exportação para 2022, a análise do mercado é que tudo vai depender do quanto as secas de abril e maio do ano passado e as geadas de julho impactaram a colheita.


Mas, quando falamos da relação com o consumidor final, três marcas muito conhecidas por aqui estão no topo do ranking de experiência: Nescafé em primeiro lugar, seguida por Melitta e Nespresso.


A qualidade do produto é um fator bem relevante, tanto entre os promotores quanto entre os detratores. Faz sentido, quando pensamos que o café é um produto relativamente barato e, por isso, as principais formas de se diferenciar é pelo gosto e aroma.



Principais motivos da nota:

Detratores

Qualidade do Produto

33%

Preço / Relação custo-benefício

24%

Promoção

11%

Promotores

Qualidade do Produto

63%

Preço / Relação custo-benefício

13%

Variedade de opções

7%

Melitta
NPS
60
Nescafé
3 Corações e
Dolce Gusto

Não é novidade para ninguém a paixão dos brasileiros pelo café. Somos o segundo maior país consumidor da bebida e o maior produtor e exportador, título que sustentamos desde 1880. De acordo com uma pesquisa do Opinion Box, 71% dos brasileiros concordam que o dia só começa depois do primeiro café.


Talvez por isso mesmo, as marcas de café atingiram um bom NPS e é o quarto segmento com maior Net Promoter Score. O dado não espanta: é bem comum que as pessoas tenham uma marca favorita de café, que sempre vai estar no xícara de café de sua casa.


A pandemia e o isolamento social impactaram o setor de diferentes formas e os especialistas do mercado ainda não sabem dizer qual será o resultado final. Num primeiro momento, por causa do home office e do fechamento das cafeterias, houve uma alta no consumo de café dentro das casas, que chegou a ser de 35% no mês de março.


O prolongamento da pandemia, no entanto, vem gerando preocupação em toda a cadeia, desde os agricultores até o revendedor final. O maior ponto de atenção, claro, são as próprias cafeterias, que estão encerrando suas atividades de norte a sul do país.


Monitore o NPS da sua marca e faça diversos
tipos de pesquisa